Energia a preço justo. Você quer? Então ajude!

No Brasil 77% da energia consumida é produzida em usinas hidrelétricas, a forma mais barata de produzir energia, porém uma das mais caras em questão de investimentos iniciais. Ainda assim o país tem uma das contas de luz mais caras do mundo.

Para financiar a construção de nossas usinas, o governo faz leilões com empresas que poderão cobrar uma taxa nas contas de luz para obter o retorno dos gastos da construção.

A lei define que o tempo máximo de cobrança dessa taxa é de 35 anos após a construção da usina, porém esse prazo não é respeitado. Em 1995 os contratos das usinas mais antigas atingiram a sua validade, porém a cobrança da taxa foi prorrogada por mais 20 anos. O novo prazo vence em 2015, quando acabam os contratos de 112 usinas hidrelétricas, 82% das linhas de transmissão e 40% da distribuição, o que geraria uma economia de 77% na conta de luz do consumidor.

Nossa lei não permite novas prorrogações, porém em nosso país o interesse das empresas muitas vezes falam mais alto que a lei.

É por isso que a FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) fez um manifesto que será usado para pressionar o governo para que não haja a prorrogação desses contratos e que hajam novos leilões para essas usinas.

Você pode ajudar nessa inciativa que beneficiará a todos assinando o manifesto através do seguinte link: http://www.energiaaprecojusto.com.br

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s